O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar foi criado pelo Governo Federal em 1995 e fornece crédito para pequenos produtores investirem em suas propriedades. O programa atende exclusivamente aos produtores da agricultura familiar. Ou seja, os créditos são concedidos a pessoas que produzem, elas mesmas ou com a ajuda da família, o que vendem.

Os créditos auxiliam os agricultores familiares no desenvolvimento do negócio e podem ser investidos em várias melhorias. Desde a compra de sementes até a modernização de equipamentos e maquinários podem ser realizados pelo dinheiro liberado pelo programa. Para saber mais sobre o financiamento do Pronaf e como ter acesso ao crédito, tudo que você precisa fazer é ler este artigo até o fim.

Quais são os benefícios do Pronaf para a agricultura familiar?

Os créditos concedidos pelo Pronaf têm um importante papel social no desenvolvimento da agricultura familiar. Veja a seguir os principais benefícios trazidos por essa linha de empréstimos.

Crescimento

O acesso a uma linha de crédito pensada especificamente para atender às necessidades dos produtores rurais é um grande estímulo ao crescimento da produção. O produtor pode investir em sementes, insumos, benfeitorias para a propriedade e muitos outros recursos que tornam o seu negócio mais próspero.

 

Valorização

A agricultura familiar já é responsável por cerca de 70% de toda a produção agrícola do Brasil, segundo o Ministério da Agricultura. O financiamento do Pronaf já disponibilizou cerca de R$ 156 bilhões em projetos. O total de famílias beneficiadas foi de aproximadamente 2,6 milhões. Os dados são do Governo Federal.

Inovação

Uma das possibilidades de uso do crédito é no investimento em novas tecnologias para a propriedade. O agricultor pode, por exemplo, contratar um serviço de previsão do tempo personalizado. Essas inovações constantes permitem um aumento na produção e maiores ganhos para o produtor rural.

Tranquilidade

Quando ingressa no Pronaf, o agricultor tem acesso automaticamente ao Seguro da Agricultura Familiar (Seaf) e ao Programa de Garantia de Preços da Agricultura Familiar (PGPAF). Ambos os serviços dão garantias ao produtor rural e a tranquilidade de saber que a sua produção está protegida e o escoamento, garantido.

O crédito do Pronaf tem juros muito mais baixos do que outras linhas de crédito convencionais. Além disso, o plano de pagamento é pensado de acordo com as condições de produção da propriedade. Isso garante ao agricultor uma linha de crédito acessível. Além disso, ele também tem a tranquilidade de saber que vai conseguir pagar o empréstimo.

Igualdade

O acesso ao crédito com taxas de juros mais baixas é um importante incentivo para o crescimento dos negócios dos pequenos produtores. Esse movimento ajuda na redução das desigualdades sociais e na distribuição de renda.

Como conseguir o financiamento do Pronaf? 

O primeiro requisito para ter o crédito aprovado é ser agricultor familiar, morar na propriedade ou próximo e ganhar até R$ 360 mil por ano. Se preencher esses requisitos, o produtor deve ir à Emater ou ao sindicato dos produtores rurais, pedir a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e preencher. Depois, precisa ir à Ater do seu município e elaborar o Projeto Técnico de Financiamento. Esse documento descreve para que o crédito será usado e toda a família deve participar.

Por fim, o agricultor familiar deve levar todos os documentos até uma agência do Banco do Brasil, Banco do Nordeste ou Banco da Amazônia, que são os agentes financeiros do crédito. Quando o projeto for aprovado, o empréstimo é liberado e o produtor já poderá começar a desenvolvê-lo. O Pronaf divide-se em vários subprogramas, que têm objetivos específicos. Os principais são:

  • Pronaf Agroindústria;
  • Pronaf Mulher;
  • Pronaf Agroecologia;
  • Pronaf ECO;
  • Pronaf Mais Alimentos;
  • Pronaf Jovem;
  • Pronaf Microcrédito (conhecido como Pronaf Grupo B);
  • Pronaf Cotas-Partes.

Os detalhes de cada um dos suprogramas do Pronaf para a agricultura familiar podem ser consultados na página do Banco do Brasil.

Gostou deste post sobre o financiamento do Pronaf? Ainda tem dúvidas sobre o programa? Deixe um comentário no post e pergunte! Nós podemos esclarecer.